Artistas boicotam festival LGBT em Israel

Pelo menos 100 cineastas e artistas de cinema LGBT estão entre um grupo de mais de 230 pessoas da indústria cinematográfica que assinaram um compromisso de boicotar o TLVFest – um festival de cinema LGBT em Israel – como uma demonstração de apoio aos palestinos. O Festival de Cinema LGBT de Tel Aviv é patrocinado pelo Ministério da Cultura, pelo Conselho de Cinema de Israel e pelo município de Tel Aviv.

O boicote foi instituído por organizações pró-palestinas que buscam romper os laços culturais com Israel para protestar contra as ações do governo em relação aos palestinos. O manifesto assinado diz que “a libertação de pessoas LGBT está intimamente ligada à libertação de outras pessoas oprimidas”.  Os cineastas se recusam a “participar de eventos, parcial ou totalmente patrocinados por Israel, até que Israel respeite o direito internacional e os direitos humanos”.

O festival está no seu 15º ano consecutivo e será realizado de 4 a 13 de junho em Tel Aviv.

One thought on “Artistas boicotam festival LGBT em Israel

  • 9 de março de 2020 em 10:33
    Permalink

    Alguém precisava contar a esses cineastas, que “palestino” é sinônimo de terrorismo, que também se aplica de forma nefasta contra seus próprios cidadões LGBT que são perseguidos, mortos da pior maneira imaginável. Que tal defender um “povo tão oprimido”, que joga seus próprios cidadões LGBT do alto de prédios?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *