Israel é o terceiro país mais educado do mundo

Israel supera os EUA e a Coreia do Sul, em termos do percentual de cidadãos com idades entre 25 e 64 anos que possuem um diploma universitário, seja acadêmico ou profissional. Israel é o terceiro país mais educado, segundo dados de 2017 compilados pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

A OCDE calculou a porcentagem da população em cada país entre as idades de 25 e 64 anos que completaram um grau de dois ou quatro anos além do ensino médio, incluindo programas acadêmicos e profissionais.

Os dados mostram que 50,9% dos israelenses na faixa etária alvo possuem um grau de escolaridade superior. O relatório observou que os judeus israelenses entram na universidade mais tarde do que a maioria dos ocidentais, já que a maioria deles serve ao exército por pelo menos dois anos depois do ensino médio.

Os Estados Unidos foram classificados como número 5, com apenas 46,4% de sua população na faixa etária alvo completando um programa de ensino superior, apesar do fato de que metade das principais universidades do mundo são americanas.

A Coréia do Sul ficou em 4º lugar, com 47,7% concluindo um programa de ensino superior, mas no topo da lista das pessoas com maior escolaridade entre 25 e 34 anos (66,6%).

O Japão é o número 2 (51,4%) e o país mais educado do mundo é o Canadá (56,7%), embora o Canadá enfrente um problema de supereducação e subemprego.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *