Arquitetos lançam manifesto contra teleférico

Um grupo de importantes arquitetos internacionais está apelando ao governo de Israel para suspender seu controverso plano de construir um teleférico para a Cidade Velha de Jerusalém.

Cerca de 30 arquitetos, incluindo o espanhol Santiago Calatrava, famoso por projetar a ponte estaiada da capital, o arquiteto americano Thom Mayne; e Moshe Safdie, nascido em Israel, acrescentaram suas vozes ao clamor público contra o projeto, em carta enviada ao primeiro-ministro Binyamin Netanyahu.

Segundo o manifesto, o teleférico é uma ameaça à “paisagem antiga e herança preciosa” de Jerusalém e acusa grupos de interesse poderosos de priorizar agendas políticas e turísticas sobre valores religiosos e culturais.

Aprovado no final do ano passado pelo Ministério de Turismo de Israel como forma de transportar visitantes para a Cidade Velha através de ruas cheias de tráfego, o projeto provocou uma enxurrada de queixas de residentes palestinos e planejadores urbanos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *