Bilionária brasileira patrocina pesquisa de Covid-19 em Israel

A pesquisa que promete detectar os infectados com a Covid-19 que está sendo desenvolvida por cientistas da Universidade Hebraica de Jerusalém é patrocinada pela Fundação Filantrópica Edmond & Lily Safra, a principal mantenedora da instituição de ensino.

Fundada em 1999, logo depois da morte do banqueiro Edmond Safra, a Fundação Filantrópica Edmond & Lily Safra, que é sediada em Genebra, na Suíça, é presidida desde então pela sua viúva, a bilionária brasileira Lily Safra, a mesma que doou 10 milhões de Euros (R$ 56,6 milhões) para a restauração da Igreja de Notre-Dame, em Paris, no ano passado.

Ao longo das últimas duas décadas, a entidade investiu mais de US$ 250 milhões (R$ 1,29 bilhão) em várias causas sociais e inclusive bancou a construção de um dos centros de pesquisas do cérebro mais avançados do mundo, que é sediado na própria Universidade Hebraica.

One thought on “Bilionária brasileira patrocina pesquisa de Covid-19 em Israel

Fechado para comentários.