Israel recebe sua primeira ambulância rosa

A Hatzalah de Israel lançou recentemente sua primeira ambulância rosa, cuja missão específica é tratar mulheres.

A ambulância será operada por uma equipe de mulheres voluntárias e paramédicas do EMT e responderá a qualquer tipo de emergência médica, mas priorizará a resposta a incidentes em que haja pacientes do sexo feminino.

A ideia se tornou realidade após o crescimento e o sucesso da Unidade de Mulheres, que tem cerca de 100 salva-vidas voluntários espalhados pelas áreas metropolitanas de Israel.

De acordo com o presidente e fundador da United Hatzalah, Eli Beer, “o problema das mulheres que ajudam mulheres não é um problema religioso, é um problema humanitário. Este é um dia muito especial para a United Hatzalah.”

A nova ambulância foi apresentada na reunião anual da Unidade de Mulheres, aberta há dois anos em Jerusalém e que, desde então, cresceu para incorporar outras cidades.

“A ambulância foi doada por uma mulher que deseja permanecer anônima”, disse Beer. “Ela ouviu o trabalho que a unidade está fazendo e decidiu financiar uma ambulância que será operada por mulheres especificamente desta unidade para permitir que elas cheguem a emergências médicas mais rapidamente”.

Segundo a fundadora da Unidade Feminina da United Hatzalah, Gitty Beer, “esta nova ambulância será uma ajuda crítica e importante para as voluntárias da unidade feminina, tanto para fornecer uma resposta mais rápida quanto para fornecer uma plataforma de treinamento para que mais mulheres se tornem voluntárias da EMT.

Quando respondemos a uma mulher que sofre de um aborto espontâneo, a última coisa que ela quer é que um grupo de técnicos masculinos de emergência médica a atendam”, acrescentou. “Ter mulheres lá para tratá-las dará mais conforto.”

“Se houver uma chamada de alguém se afogando, obviamente o sexo é irrelevante. No entanto, nos casos em que há espaço para consideração, o melhor é fazer um esforço extra para prestar o melhor serviço.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *