Judeus marroquinos elegem representantes

A comunidade judaica do Marrocos realizará suas primeiras eleições em meio século para selecionar seus representantes comunitários.

O rei Mohammed VI instruiu o ministro do Interior a supervisionar as eleições. As eleições internas da coletividade judaica marroquina foram realizadas pela última vez em 1969, em meio a um aumento na hostilidade em relação aos judeus no Marrocos, após a vitória de Israel na Guerra dos Seis Dias, em 1967.

Essa hostilidade levou à emigração da última grande onda de judeus do Marrocos, que já foi o lar de 270.000 judeus, mas agora tem cerca de 3.000.

O governante também pediu que as eleições ocorressem periodicamente de acordo com as provisões de Dahir de 7 de maio de 1945, um decreto real sobre “a reorganização das comunidades judaicas”.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *