Parte do Memorial do Holocausto é inaugurada no Rio

O Monumento do Memorial às Vítimas do Holocausto, em Botafogo, no Rio de Janeiro, foi inaugurado no último domingo (13/12), com a presença do prefeito Marcelo Crivella, autoridades e membros da comunidade judaica carioca.

Além do monumento, o Memorial contará também com um museu, que vai apresentar aos visitantes relatos e imagens de vítimas e sobreviventes de um dos maiores genocídios da história, o Holocausto. A inauguração da parte interna do Memorial está prevista para setembro de 2021.

O espaço vai proporcionar uma reflexão sobre a importância dos direitos humanos, da democracia, da justiça, da tolerância, da liberdade, do respeito à diversidade e ao pluralismo como valores e princípios éticos fundamentais do ser humano.

A exposição também vai evidenciar que, além dos judeus, outras minorias como negros, ciganos, pessoas com deficiência física e/ou mental, homossexuais (termo utilizado na época para se referir a pessoas LGBTQIA+), testemunhas de Jeová, maçons e opositores do regime nazista também foram vítimas.

LEIA TAMBÉM

Dados históricos revelam que das 11 milhões de vítimas, seis milhões eram judeus, a população que sofreu uma perseguição mais estruturada, e cinco milhões, de outras minorias.

Para abarcar o tema em sua complexidade, a equipe de curadoria do Memorial, composta por Alfredo Tolmasquim, Carlos Reiss e Sofia Débora Levy, contou com a consultoria de especialistas no recorte das populações atingidas.

Além da exposição permanente, o Memorial do Holocausto terá espaços para mostras temporárias, loja de souvenir, café e espaço multiuso para atividades educativas e culturais, além de um projeto de acessibilidade inovador, não apenas física, mas de interação com o conteúdo e com atividades para todos os públicos, tornando-se uma referência em inclusão e acessibilidade.

Idealizado pelo ex-deputado Gerson Bergher Z”L, o Memorial do Holocausto é uma realização da Associação Cultural Memorial do Holocausto, com apoio institucional da Prefeitura do Rio e o patrocínio master da Multiplan.

Saiba mais sobre o projeto.

O projeto conta ainda com o Banco Daycoval, Banco Safra e RJZ Cyrela como patrocinadores, Consulado da Alemanha como parceiro e XP Investimentos como doador, além de vários outros apoiadores.

One thought on “Parte do Memorial do Holocausto é inaugurada no Rio

Fechado para comentários.