Time alemão veste camisa contra antissemitismo

O clube de futebol alemão da segunda divisão, Ingolstadt, vestirá, neste domingo, camisas com uma mensagem contra o antissemitismo em resposta ao abuso sofrido por seu capitão, o israelense e judeu Almog Cohen.

O clube escreveu no Twitter que seu principal patrocinador concordou em deixá-lo levar a mensagem “extrema-direita? Apenas em um 4-3-3!” na frente de sua camisa para jogar contra o Paderborn.

A decisão foi tomada depois que o clube destacou uma mensagem que Cohen recebeu via Twitter em 8 de março de um torcedor do Union Berlin, que disse que o jogador era um “judeu bruto” e deveria ser enviado “para as câmaras”. A mensagem foi enviada após a vitória na casa do Union por 2-0, um jogo com oito cartões amarelos e dois cartões vermelhos nos quais Cohen foi expulso.

Almog agradeceu as manifestações de apoio e disse que tem muito orgulho de suas raízes judaicas e também de representar o país que escolheu viver a nove anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *