América do Sul vende vacina israelense falsa para COVID-19

Uma vacina falsa contra o coronavírus, usando o nome do Instituto de Pesquisas Migdal de Israel, está sendo vendida na América do Sul. Os rótulos dos frascos têm o logotipo da empresa e até instruções em hebraico.

Segundo comunicado do instituto israelense, nem a Migal, nem suas afiliadas, entre elas a Migvax tem atualmente qualquer produto comercialmente disponível para uso com COVID-19. O Centro de Pesquisas israelense solicita a qualquer pessoa que tome conhecimento da venda deste produto que notifique as autoridades policiais e organizações de saúde locais.

A empresa israelense alerta que essa suposta vacina é uma fraude e o uso deste produto pode comprometer a saúde e segurança de quem fizer uso deste medicamento.

O Instituto Migdal entrou em contato com a Organização Mundial de Saúde (OMS) e os Ministérios da Saúde dos países onde o medicamento está sendo comercializado e com as representações israelenses no exterior para informá-las sobre essas vacinas falsas e tomar as medidas cabíveis sobre o assunto.

LEIA TAMBÉM

O diretor geral de pesquisa da Migdal, David Zigdon, agradeceu ao Departamento de Economia do Ministério das Relações Exteriores do Equador por conduzir uma investigação aprofundada e encontrar um dos distribuidores do produto no país.

One thought on “América do Sul vende vacina israelense falsa para COVID-19

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *