Egípcio recusa aperto de mão após a derrota

O judoca israelense Sagi Muki sagrou-se campeão mundial de judô nesta quarta-feira no Japão, depois de vencer o belga Mathias Casse na final.

Desta forma, Muki tornou-se o primeiro israelense a ganhar uma medalha de ouro em um campeonato mundial de judô.

Após sua vitória, Muki se aproximou da arquibancada onde celebrou com os torcedores de Israel que viajaram para o Japão para acompanhá-lo e momentos depois ele cantou o hino de Israel, Hatikvah, à frente do pódio da Copa do Mundo.

Muki derrotou rivais do Uzbequistão, Quirguistão, Hungria e Cazaquistão e se classificou para a final depois de derrotar o egípcio Mohammed Abdelaal.

O judoca egípcio Abdelaal se recusou a apertar a mão de Muki após a derrota, da mesma forma que seu compatriota Islam El Shahaby fez quando enfrentou o israelense Ori Sasson nas Olimpíadas do Rio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *