Inspecione seu carro com um smartphone

Levar o carro para a oficina para conserto pode ser um processo frustrante, mas uma empresa israelense tornou possível para os motoristas analisarem as condições do veículo por conta própria usando apenas o smartphone.

Tudo o que o dono do carro precisa fazer é abrir a câmera e começar a escanear o carro. A IA, que a empresa Ravin AI afirma ter sido treinada com centenas de milhões de amostras de danos em carros, pode identificar se um carro tem um amassado ou arranhão e a extensão dos danos no exterior e no interior. Em seguida, ele irá gerar um relatório de inspeção e condição do veículo.

“Toda vez que você vai consertar seu carro, ou renovar sua apólice de seguro, ou está tentando vender um carro usado, ou está tentando comprar um carro usado, há muita dúvida”, diz Eliron Ekstein, CEO e co-fundador.

“Não há muita clareza sobre a real condição do veículo, que é um problema constante do setor. E vem do fato de que a maioria das pessoas realmente não entende como os carros funcionam e qual é o valor dos danos que eles incorrem”.

Ravin teve a ideia quando ingressou na Shell como chefe de desenvolvimento de novos negócios, para ajudar a gigante do petróleo a diversificar serviços que poderiam beneficiar frotas e motoristas.

“Analisamos o estado do veículo, de forma que ambas as partes entendam o que está em jogo, que tipo de danos e problemas o veículo apresenta. E isso contribui para um entendimento muito mais claro da transação e do preço certo a ser pago”.

LEIA TAMBÉM

A IA de Ravin é uma plataforma de software como serviço (SaaS), na forma de um aplicativo da Web para dispositivos móveis. Frotas de carros alugados e usados, concessionárias de carros e seguradoras nos Estados Unidos e na Europa assinam seu serviço e pagam com base no volume de uso. O serviço é usado pelos trabalhadores desses setores milhares de vezes por mês e seus clientes podem acessá-lo por meio deles.

Ele usa uma série de tecnologias patenteadas para criar um modelo do veículo que é escaneando no local. Ele entende para qual parte o motorista está olhando enquanto se move pelo carro e mapeia no modelo gerado.

O aplicativo informa aos usuários em tempo real se eles não conseguiram escanear uma parte do veículo ou se estão se movendo muito rapidamente. A IA também dá sugestões ao motorista sobre se deve registrar uma reclamação de seguro ou consertar o carro.

A IA foi treinada com conhecimento profissional, especificamente com a ajuda do líder automotivo de Ravin, que era o ex-inspetor-chefe de veículos da Mercedes Israel. É assim que a empresa diz que pode fornecer recomendações semelhantes a um inspetor de automóveis profissional.

No entanto, existem limitações. É difícil avaliar as partes reflexivas, diz Ekstein. E se as condições de iluminação forem ruins ou se houver condições climáticas adversas, como neve ou chuva forte, não será possível avaliar os danos ao carro.

Entre os parceiros da empresa estão a Toyota North America e a empresa americana de aluguel de carros Hertz.

Fonte: NoCamels
Foto: Al Ravin (Cortesia)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *