Sem mortes registradas, Israel relaxa restrições

Sem nenhuma morte registrada nos últimos quatro dias, Israel relaxa ainda mais algumas das restrições e o isolamento.

O Ministro da Cultura e Esportes de Israel, Chilli Tropper, e o Ministro da Saúde, Yuli Edelstein, anunciaram que os cinemas e teatros serão reabertos a partir de 14 de junho, com a condição de que apenas 75% dos assentos estejam ocupados e com um assento vazio entre cada espectador. Todos terão que usar uma máscara e medir a temperatura antes de entrar. A compra dos ingressos será feita apenas online.

Os museus abrirão para o público a partir de segunda-feira.

O Festival de Cinema de Israel, deste ano, foi adiado devido à impossibilidade de os artistas chegarem ao país. Vários filmes remarcaram suas datas de lançamento, incluindo Wonder Woman 1984 (Mulher Maravilha 1984), com a atriz israelense Gal Gadot, que será lançada em agosto e não em junho.

O Ministério do Transporte comunicou que a partir do dia 28 de maio que a ocupação permitida nos ônibus passa de 25% para 75% de sua capacidade. Permanece a restrição de sentar nos assentos atrás do motorista e permanecer em pé durante a viagem. Os trens estarão em funcionamento a partir de 8 de junho. Os táxis só poderão transportar até dois passageiros no banco de trás do automóvel.

One thought on “Sem mortes registradas, Israel relaxa restrições

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *