Onda de calor faz consumo de energia bater recorde

Com o aumento das temperaturas em Israel, também vêm aumentando as contas de luz, com o consumo de energia elétrica do país atingindo o máximo em meio à onda de calor. Às 13h33 de ontem, foram necessários 14.089 megawatts (MW) para atender a demanda de eletricidade da rede pública. O recorde anterior era de 20 de maio e atingiu 13.854 MW.

O Ministério da Saúde vem divulgando orientações para o público lidar com o aumento contínuo das temperaturas em todo o país em meio à crise de saúde.

O Ministério orienta os cidadãos, principalmente a população idosa e portadora de doenças crônicas, a “evitar a exposição a calor e sol tanto quanto possível, evitar esforços físicos desnecessários, certificar-se de beber água e estar em lugares com ar condicionado tanto quanto possível.” Informações detalhadas podem ser encontradas no site do Ministério da Saúde.

LEIA TAMBÉM

O ministério também lembrou aos cidadãos que, apesar da onda de calor, as diretrizes do coronavírus ainda estão em vigor. “Na era do coronavírus, é importante seguir as orientações do Ministério da Saúde quanto ao uso de máscaras e distância social”, diz a nota do Ministério.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *