Passaporte verde será estendido até o final do ano

Seguindo a queda nos dados de morbidade e eficácia da vacina, o Diretor-Geral do Ministério da Saúde, Prof. Chezi Levy, decidiu prorrogar a validade do passaporte verde, que permite a participação em eventos culturais e esportivos e ingresso em hotéis.

Levy assinou, nesta quarta-feira, a prorrogação da validade do passaporte verde até dezembro de 2021. Ele explicou que, de acordo com estudos do Ministério, a proteção conferida pelas vacinas corona deve durar pelo menos até o final deste ano.

“Pelo fato de que a vacina deverá nos protegerá pelo menos até o final do ano, decidimos estender a validade do passaporte verde para vacinados e em recuperação até dezembro de 2021”, anunciou Levy.

No entanto, ele alertou que “devemos ter cuidado e ainda manter a cautela, usar máscaras em espaços fechados e manter distância, pois ainda não há informações completas sobre a eficácia da vacina na proteção contra algumas das diversas variantes”.

LEIA TAMBÉM

O Prof. Levy acrescentou que “Estou feliz que a vacina nos proteja e nos permita retornar a uma rotina de vida, e espero que continuemos com nossa rotina e que possamos perseverar nessa longevidade”.

Independentemente da decisão de estender o passaporte verde, uma maior flexibilização das restrições corona, que foram formuladas por altos funcionários do Ministério da Saúde, entrará em vigor amanhã.

Fonte: Mako
Foto: Yonatan Sindel (Flash90)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *