Pedidos de entrada em Israel só depois das festas

A Autoridade de População e Imigração do Ministério do Interior parou de aceitar pedidos de autorização de entrada de estrangeiros em Israel e reabrirá o processo em duas semanas.

Uma porta-voz da autoridade disse que, uma vez que os escritórios do governo estarão fechados durante os feriados  e que, portanto, os pedidos não serão processados, não havia sentido em aceitar pedidos neste momento.

O primeiro dia útil após os chaguim (as festas) é 29 de setembro.

As candidaturas ainda podem ser feitas com os formulários do Ministério das Relações Exteriores, que são processados ​​pela embaixada ou consulado competente e, em alguns casos, por funcionários do próprio ministério.

Em 31 de agosto, a Autoridade de População disse que havia cerca de 3.000 pedidos de autorização de entrada pendentes.

LEIA TAMBÉM

O processo de inscrição tem se tornado extremamente difícil nos últimos meses, com muitos pedidos sem resposta ou respondidos no último momento possível, criando sérias dificuldades para quem busca entrar no país para ver parentes e participar de festas familiares.

O gabinete do primeiro-ministro Naftali Bennett disse que as questões sobre se o governo fornecerá pessoal extra para processar os pedidos devem ser dirigidas aos ministérios do Interior e das Relações Exteriores.

O Ministério do Interior não designou mão de obra extra para a Autoridade de População para lidar com as solicitações, apesar de ter que lidar com dezenas de milhares de solicitações desde que o Aeroporto Ben Gurion foi reaberto em abril para estrangeiros com parentes de primeiro grau em Israel.

O Ministério das Relações Exteriores não informou se alocou mão de obra extra para embaixadas e consulados.

Fonte: The Jerusalem Post
Foto: Autoridade de População e Imigração

One thought on “Pedidos de entrada em Israel só depois das festas

Fechado para comentários.