Robô israelense oferece companhia para idosos

A empresa israelense Intuition Robotics, que tem sede em Ramat Gan, desenvolveu o robô de inteligência artificial ElliQ, um companheiro social para idosos.

ElliQ esteve em teste e desenvolvimento por cerca de cinco anos antes de seu lançamento comercial, quatro meses atrás.

O robô, batizado em homenagem a uma deusa nórdica, foi criado para interagir com pessoas mais velhas e mantê-las ativas e conectadas ao mundo exterior. A solidão e o isolamento social podem estar entre os efeitos mais proeminentes e adversos do envelhecimento, com aproximadamente um em cada quatro adultos americanos com mais de 65 anos vivendo nessas condições.

Um grande estudo revisado por pares sobre solidão na velhice e expectativa de saúde, publicado em 2021, descobriu que pessoas na faixa dos 60 anos que às vezes se sentem “solitárias” ou “principalmente solitárias” podem esperar viver “3 a 5 anos a menos, em média, em comparação com aqueles que percebem a si mesmos como nunca sozinhos”.

Em seus 70 e 80 anos, os idosos solitários podem esperar “viver 3 a 4 ou 2 a 3 anos a menos, respectivamente, em comparação com os idosos não solitários”, de acordo com o estudo.

À medida que as pessoas envelhecem, elas podem experimentar a dispersão da família, a perda de amigos e entes queridos, os efeitos da deterioração da saúde, como perda de audição e visão, e diminuição da mobilidade, todos fatores que podem levar a sentimentos de solidão e isolamento.

A história por trás do ElliQ “é de empatia”, disse o cofundador e CEO da Intuition Robotics, Dor Skuler, ao The Times of Israel. Skuler observou como seu pai passou pela experiência do envelhecimento e, eventualmente, precisou de cuidados assistidos.

LEIA TAMBÉM

“Em longo prazo, há uma conexão comprovada entre solidão e isolamento e custos de saúde”, disse ele.

Através do processo com seu pai, Skuler disse que ficou claro para ele que havia uma “necessidade de trabalhar o aspecto da empatia” e atender a necessidade de conexão e relacionamento entre os idosos.

ElliQ foi criado para abordar questões de solidão e envelhecimento saudável, construindo um relacionamento com seu proprietário.

O robô aprende as rotinas e hábitos diários de seus donos, seus horários e compromissos, vai cumprimentá-los com um “Bom dia!”, vai fazer perguntas como “Já jantou?”.

Além de aprender sobre seus donos, os robôs ElliQ têm um vasto conhecimento de notícias de entretenimento, curiosidades, eventos noticiosos, informações sobre saúde, referências esportivas, citações bíblicas e piadas.

Fonte: The Times of Israel
Foto: Intuition Robotics

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.