Taxa de desemprego cai em Israel

De acordo com dados  do Escritório Central de Estatísticas (Lishka Hamerkazit Lestatistica, CBS na sigla em inglês), o desemprego em Israel caiu de 21% no final de maio para 10,7% em junho.

450.000 israelenses que estavam em licença não remunerada voltaram ao trabalho nas duas primeiras semanas de junho, segundo o CBS. O desemprego (sem incluir os empregados em licença não remunerada) foi de 5,2% em junho, em comparação com 4,2% em maio. No entanto, a maior mudança ocorreu no número de funcionários em licença não remunerada, que caiu de 684.200 no final de maio para 213.600 em meados de junho, ou apenas 5,5% da força de trabalho. Em termos percentuais, o desemprego total caiu pela metade, passando de 21% no final de maio para 10,7% em meados de junho.

Esses números contradizem os dados publicados pelo Instituto Nacional de Seguros (Bituach Leumi) e pelo Serviço de Emprego de Israel (Lishkat Hataasuka), que relataram um número muito menor de funcionários com licença voltando ao trabalho. O Bituach Leumi informa que havia 673.567 desempregados no final de junho, enquanto o Serviço de Emprego de Israel disse que havia 861.000 buscando emprego na última semana de junho, incluindo 605.000 em licença não remunerada.

Importante salientar que a diferença nos dados dos dois órgãos do governo são decorrentes das diferenças conceituais e metodológica no levantamento e apresentação dos dados.

Foto: Lishkat Hataasuká

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *