Avós e futuros avós podem viajar para Israel

Os pais de olim que vivem no exterior, cujos filhos esperam bebê para daqui a um mês ou deram à luz há um mês podem viajar para Israel.

A deputada Michal Cotler Wunsh informou que o Comitê de Aliá e Klitá (Comitê da Knesset de Imigração e Integração) permitirá que os pais de novos imigrantes (olim chadashim) que esperam dar à luz ou que tenham dado à luz no mês passado viajem para Israel para ficar com seus filhos durante esse período.

A questão foi levada ao conhecimento do Comitê depois que uma mulher chamada Yehudit apelou ao governo, para trazer seus pais para o país para estar com ela quando desse à luz seu bebê.

Wush gravou um vídeo que foi postado no Facebook  dizendo: “Mamãe e papai olim, esta mensagem é para você”.

“Examinamos um pouco mais essa questão e descobrimos que existem dezenas de casais que não poderão ter seus pais aqui com eles no momento do nascimento de seus filhos. Levamos o problema para o Comitê de Imigração e Integração e, felizmente, eles revisaram os critérios e os alteraram, para que todos os pais possam vir e ficar com seus filhos e netos”.

Ela enfatizou que essa exceção é apenas para pais cujos filhos deram à luz no mês passado ou que devem dar à luz no próximo mês – “um mês antes e um mês após o parto”. “B’sha’ah tovah” concluiu.

 

One thought on “Avós e futuros avós podem viajar para Israel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *