Empresário americano negocia compra da EL AL

O empresário americano Naftali Rosenberg está em negociações para comprar uma participação majoritária na companhia aérea nacional de EL AL, com problemas financeiros devido à crise do coronavírus, através de seu filho Eli, um estudante de yeshivá com dupla cidadania.

Naftali, também conhecido como Kenny, é CEO da Centers Health Care – uma das maiores redes de assistência médica americana e proprietário de hotéis e de empresas imobiliários nos EUA. Kenny também é um paramédico treinado da Hatzalah e geralmente é encontrado respondendo a emergências médicas no meio da noite. Além disso, ele é um dos proprietários da Senior Care EMS, uma das maiores empresas de ambulâncias particulares de Nova York.

Devido à legislação que vigora em Israel, é necessário que a empresa seja controlada por um cidadão israelense, por isso o empresário adquiriria a empresa sob o nome de seu filho.

LEIA TAMBÉM

Mas as negociações estão longe de serem concluídas. Na semana passada, o governo de Israel e a EL AL esboçaram um acordo para seu resgate financeiro. Para evitar a falência, a companhia aérea receberia um empréstimo de US$ 250 milhões e ofereceria ações no valor total de US$ 150 milhões na bolsa de valores de Tel Aviv. Além disso, o Estado se comprometeria com a aquisição de todas as ações não compradas pelo público, uma opção que espera evitar, pois resultaria na nacionalização da empresa.

2 thoughts on “Empresário americano negocia compra da EL AL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *