Laboratório de epidemiologia será inaugurado em Ashdod

Um novo laboratório dedicado exclusivamente à pesquisa e identificação de surtos de doenças será inaugurado no Hospital Universitário Assuta de Ashdod, em abril. Será o primeiro laboratório desse tipo em Israel, o único projetado especificamente para a identificação de patógenos em tempo real.

Depois que o país foi atingido pelo coronavírus, a missão do laboratório é preparar Israel para qualquer outra potencial pandemia.

Dr. Erez Barenboim, diretor-geral do hospital, afirmou que “a possibilidade de sermos pegos despreparados novamente não é uma opção!”

“Aprendemos com este ano que temos que fazer nosso maior esforço para estarmos prontos para a próxima ocorrência de um novo surto”, disse ele.

LEIA TAMBÉM

O laboratório será financiado pelo Keren Hayesod, a organização mundial de arrecadação de fundos para Israel, depois de receber um milhão de dólares de um doador anônimo que deseja contribuir para o campo da epidemiologia.

O atual chefe do laboratório de microbiologia do hospital, Nadav Sorek, administrará as novas instalações e suas pesquisas.

Sorek explicou que “o novo laboratório se concentrará na varredura de surtos de patógenos, principalmente doenças e vírus. A ideia básica é desenvolver constantemente testes contra patógenos novos e já existentes que possamos usar no caso de outro surto. Com o corona, o laboratório não tinha conhecimento ou testes anteriores e, em um período muito curto, teve que partir da realização de zero testes para milhares por dia”, disse Sorek. “Com as habilidades avançadas do novo laboratório, seremos capazes de minimizar esse tempo inicial.”

Fonte: Jerusalem Post

Foto: Shmuliko (Wikimedia Commons)