Lapid diz na UE que apoia solução de dois estados

O ministro das Relações Exteriores, Yair Lapid, se dirigiu a 26 ministros que exercem o mesmo cargo na Europa em seu discurso no Conselho de Relações Exteriores da UE, tornando-se o primeiro israelense a fazê-lo, desde Tzipi Livni em 2008.

Em seus comentários, Lapid expressou apoio a uma solução de dois Estados entre Israel e os palestinos, mas disse que, atualmente, as condições não estão maduras para um acordo de paz.

“Não é segredo que eu apoio uma solução de dois estados. Infelizmente, não há um plano atual para isso. No entanto, há uma coisa que todos precisamos lembrar. Se eventualmente houver um Estado palestino, deve ser uma democracia amante da paz. Não podemos ser chamados a participar da construção de mais uma ameaça às nossas vidas”, diz Lapid.

“O que precisamos fazer agora é garantir que nenhuma medida seja tomada que impeça a possibilidade de paz no futuro, e precisamos melhorar a vida dos palestinos. O que quer que seja humanitário, eu farei isso. Tudo que constrói a economia palestina, eu sou a favor”.

LEIA TAMBÉM

O novo ministro das Relações Exteriores também disse que está procurando abrir um novo capítulo nas relações entre Israel e a UE, enfatizando os valores liberais compartilhados por Israel e os Estados europeus.

Fonte: The Times of Israel
Foto: Haim Zach / Government Press Office (Israel)CC BY-SA 3.0 (Wikimedia Commons)