Máscaras de proteção mais seguras são desenvolvidas

Muitas pessoas estão usando máscaras faciais para evitar a respiração de partículas de coronavírus no ar e para não tocar no nariz e na boca.

No entanto, mesmo as máscaras N95 não podem bloquear completamente pequenas partículas de vírus e não podem matá-lo (duas máscaras em desenvolvimento em Israel pretendem fazer isso). Quaisquer partículas virais bloqueadas permanecem na superfície da máscara e representam um perigo quando manuseadas e jogadas fora.

Além disso, as máscaras faciais não cobrem os olhos. Embora o nariz seja a principal via do coronavírus para os pulmões, alguns pesquisadores acreditam que a conjuntiva do olho é outro ponto de entrada possível. É por isso que o médico e inventor de dispositivos médicos israelense Dr. Noam Gavriely trabalhou rapidamente para desenvolver o que chama de ViriMASK Protective Oculo-Respirador.

O ViriMASK fica preso à cabeça, cobrindo os olhos com uma viseira transparente e o nariz e a boca com um mecanismo de filtragem. O dispositivo pode ser lavado e reutilizado. Os filtros devem ser substituídos após 12 horas de uso e descartados em um envelope especial contendo desinfetante. O ViriMASK deve estar pronto para testes de eficácia por volta de meados de abril. O custo é estimado em cerca de US$ 50.

Gavriely é professor de fisiologia na escola de medicina do Instituto de Tecnologia Technion e foi um dos responsáveis pelo projeto de máscaras de gás para a IDF durante a segunda Guerra do Golfo.

Essa combinação de experiências o ajudou a imaginar que tipo de dispositivo poderia ajudar na pandemia de coronavírus – e a capacidade de desenvolvê-lo rapidamente na empresa de dispositivos médicos de Tirat Carmel, HemaClear.

Seu designer industrial interno, Dudi Ashkenazi, projetou o ViriMASK “para ser não apenas funcional, mas bastante confortável e fácil de usar”, diz Gavriely.

“Existe uma barreira que separa os olhos, nariz e boca do mundo ao nosso redor. A camada mais interna é feita de um material macio semelhante a silicone, para que seja confortável.” Para manter a vedação firme, os óculos teriam que ser usados ​​em cima da viseira transparente, diz ele. Versões futuras podem ter redes macias como alternativa às correias para fixação em torno da cabeça.

A máscara é importante para profissionais de saúde e pessoas em contato intenso com o público, como trabalhadores de aeroportos. O ViriMASK também pode libertar as pessoas do isolamento doméstico, diz Gavriely. Uma pessoa pode trabalhar ou dirigir com segurança usando essa máscara.

Vários tamanhos e ajustes são essenciais para a eficácia e o conforto por isso a empresa está criando um método para fazer seis medições da face. Os clientes inserem suas medidas no site e um pequeno algoritmo lhes dirá qual tamanho eles precisam.

A produção pode começar com 1.000 unidades por dia e aumentar para até 100.000 unidades por dia dentro de quatro meses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *