Neonazista português realiza concurso Miss Hitler

Um concurso de beleza abominável chamado Miss Hitler acontece pelo segundo ano consecutivo, mesmo depois de ter sua página de divulgação bloqueada.

O concurso de 2018 causou tanta polêmica que os administradores do Vkontacte (VK), uma rede social russa, bloquearam a página do evento no final do ano passado. Contudo, o concurso voltou este ano.

No ano passado, diversas concorrentes da Rússia, Ucrânia, Alemanha, Itália e EUA participaram e enviaram fotos com saudações nazistas, posando junto de suásticas ou com um exemplar de ‘Mein Kampf’, livro de autoria de Adolf Hitler.

Segundo o português João Neves, organizador do evento, para participar do Miss Hitler “é obrigatório ser uma mulher branca de sangue puro e “respeitar Hitler”. Enviar 1 ou 3 fotos, escolher um nickname, e escrever uma apresentação.

João Neves, 40 anos, que declarou ser nacional-socialista desde os 8 anos, disse que: “Um concurso de beleza não pode ser considerado errado em nenhum lugar. Mesmo no carnaval as pessoas são proibidas de usar a temática do Terceiro Reich, e tudo devido a mentiras dos aliados para denegrir os europeus”.

A concorrente com a melhor saudação nazista e a melhor justificativa sobre por que ama e venera o Terceiro Reich é a vencedora.

4 thoughts on “Neonazista português realiza concurso Miss Hitler

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *