Novo tratamento contra o vírus a partir de hoje

Pacientes israelenses com COVID-19 com histórico médico de alto risco poderão ser tratados com a poderosa medicação Regeneron, que previne a deterioração da condição causada pelo coronavírus, a partir de quinta-feira.

O Ministério da Saúde disse que vai comprar o medicamento, que potencialmente salva-vidas, e disponibilizá-lo através do sistema de saúde público, após uma reportagem da Ynet que indicou que o alto custo do tratamento era a principal razão porque as kupot cholim (planos de saúde) não estavam oferecendo aos pacientes.

O Diretor Geral do Ministério da Saúde, Professor Nachman Ash, disse à Ynet na quarta-feira que “gostaria de ver mais pessoas receberem REGEN-COV da Regeneron Pharmaceuticals para reduzir o número de hospitalizações”.

Ash se reuniu com os diretores das kupot cholim para resolver os obstáculos logísticos que impediam o acesso ao tratamento até hoje.

Até agora, o poderoso tratamento aprovado pela FDA estava disponível em Israel apenas por meio de receita de um médico particular.

LEIA TAMBÉM

O Regeneron é composto por dois anticorpos monoclonais que, quando combinados, podem evitar que pessoas com COVID-19 leve desenvolvam uma forma mais grave da doença, eventualmente exigindo hospitalização.

Entre os aprovados para receber o Regeneron sob os auspícios dos quatro kupot cholim israelenses estão os idosos, pacientes com problemas cardíacos, obesos e pacientes não vacinados tratados em casa sob a supervisão de um profissional de saúde.

O ex-presidente Donald Trump foi tratado com o coquetel depois que adoeceu com COVID-19, ainda durante seu mandato.

A mídia israelense também informou, na quarta-feira, que Israel planeja importar a vacina AstraZeneca para uso com israelenses que tiveram uma reação alérgica anterior às vacinas de mRNA da Pfizer-BioNTech e Moderna, ou que se abstiveram de vacinação devido ao medo de uma reação alérgica às vacinas existentes.

A terceira dose de “reforço” da vacina COVID-19 agora está sendo oferecida a todos os israelenses com 16 anos ou mais, para ser recebida cinco meses ou mais após a primeira e a segunda dose da vacina.

Pelo menos três milhões de adultos israelenses receberam sua terceira dose da vacina.

Fonte: JewishPress
Foto: Regeneron e PIRO4D (Pixabay)

One thought on “Novo tratamento contra o vírus a partir de hoje

Fechado para comentários.