Rússia adverte que armar Ucrânia destruiria laços

O ex-presidente da Rússia e atual vice-presidente do Conselho de Segurança do país, Dmitry Medvedev, disse nesta segunda-feira que o fornecimento de armas israelenses para a Ucrânia destruiria os laços com Moscou.

“Israel parece estar se preparando para fornecer armas ao regime ucraniano. Um movimento muito imprudente. Isso destruiria todas as relações bilaterais entre nossos países”, disse ele em um comunicado no Telegram, acusando a Ucrânia de exaltar os heróis “nazistas”.

“Se armas forem fornecidas a eles, então é hora de Israel declarar Stepan Bandera e Roman Shukhevych seus heróis”, acrescentou Medvedev, referindo-se aos líderes nacionalistas da Ucrânia dos anos 1940-1950.

No domingo, o ministro de Assuntos da Diáspora, Nachman Shai, disse no Twitter que, se o Irã supostamente transfere mísseis balísticos para a Rússia para uso na guerra da Ucrânia, então “não há mais dúvida de onde Israel deve ficar neste conflito sangrento”.

“Chegou a hora de a Ucrânia receber ajuda militar também, assim como os EUA e os países da OTAN fornecem”, escreveu ele.

Na manhã de segunda-feira, a Rússia lançou uma série de ataques a cidades ucranianas, incluindo a capital Kiev, matando pelo menos um e ferindo três civis, segundo o prefeito da cidade. Autoridades ucranianas disseram que os ataques que deixaram centenas de cidades sem eletricidade foram realizados usando drones suicidas supostamente fornecidos à Rússia pelo Irã.

LEIA TAMBÉM

Apesar de Teerã negar repetidamente fornecer a Moscou armas destinadas ao uso no que o Kremlin chama de operação militar especial na Ucrânia, a mídia dos EUA informou no domingo que o Irã concordou secretamente em aumentar seus suprimentos de armas para a Rússia, incluindo mais drones e mísseis balísticos.

Fonte: Ynet
Foto: Canva

One thought on “Rússia adverte que armar Ucrânia destruiria laços

Fechado para comentários.