Seleção brasileira de Flag Football disputa mundial em Israel

Quinze atletas brasileiras estarão em Israel em dezembro para disputar o mundial de Flag Football. A modalidade não chega a ser uma paixão nacional, mas tem grandes chances de projetar o nome do Brasil para o mundo.

O Flag Football é um jogo semelhante ao futebol americano, com regras básicas bastante similares. A modalidade ganhou o coração destas jovens que agora sonham em participar de sua segunda competição internacional (a primeira foi no Panamá em 2018).

O custo para cobertura das despesas de traslado, hospedagem e alimentação não cabem no orçamento das esportistas, por isso elas, seus familiares e amigos vêm se desdobrando com muita criatividade para viabilizar a realização dessa importante etapa para o Brasil. É graças a iniciativas de amigos e apoiadores que elas já vêm seus passaportes carimbados rumo a Terra Santa.

Existem hoje diversas ações já em curso, e que podem ser conhecidas na página selecaobrasileiradeflagfo.lojavirtualnuvem.com.br. Em breve, será possível “adotar” uma atleta, com pequenas contribuições que, somadas, viabilizarão o sonho internacional, tanto pelo site quanto pelo Instagram @selecaofeminadeflag.

Ao todo, 15 atletas foram selecionadas para representar o Brasil pela 5ª vez em Mundiais. Os nomes foram anunciados no dia 15 de setembro pela técnica Victoria Guglielmo.

LEIA TAMBÉM

O IFAF Flag Football World Championship (Mundial de Flag Football) é o campeonato internacional de flag football, organizado pela IFAF – Federação Internacional de Futebol Americano com apoio da NFL. O torneio segue um estilo de fase de grupos, onde os melhores seguem para o mata-mata.

O Mundial ocorre a cada dois anos em diferentes países. A primeira edição foi em 2002 na Áustria, sendo essa em Israel a décima edição. As oito melhores equipes disputarão o The World Games, evento de porte olímpico organizado pelo COI e que preconiza a grande chance de a modalidade integrar as Olimpíadas de Los Angeles 2028.

Espera-se que a comunidade brasileira que vive em Israel marque presença nas competições, empurrando a equipe brasileira. O calendário de competições pode ser acompanhado no site flagfootballbrasil.com.br/

Fonte: Primor Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação