Startup israelense traz alta tecnologia para óculos de leitura

Para cerca de 1,8 bilhão de pessoas no mundo com presbiopia, a incapacidade de focar em objetos próximos, a leitura requer colocar um par de óculos especial e, se você estiver usando óculos escuros ou outro tipo de óculos, ter que tirá-los para trocar.

Para algumas pessoas, verificar o telefone ou receber mensagens enquanto caminham ao ar livre em um dia ensolarado pode significar trocar de óculos a cada 12 minutos.

A DeepOptics baseada em Petach Tikva, inventora e pioneira de uma nova tecnologia de lentes adaptativas, anuncia o lançamento de seu novo produto, 32°N (pronunciado 32 North), os primeiros e únicos óculos de sol com foco adaptativo. Os óculos de sol 32°N permitem uma série de prescrições diferentes com um único par de óculos.

Com um deslizar do dedo ao longo da têmpora da armação da lente, o usuário pode fazer os óculos alternarem entre o “modo cênico” e o “modo de leitura”, com diferentes configurações de visão que são definidas por meio do aplicativo do smartphone.

Os óculos de sol 32°N usam uma tecnologia de cristais líquidos pixelados que permite uma transição rápida, desenvolvida ao longo de dez anos pela DeepOptics.

LEIA TAMBÉM

“Temos a missão de melhorar a visão humana por meio da ótica dinâmica”, afirma Yariv Haddad, CEO e cofundador da DeepOptics. “A presbiopia é um problema que afeta muitas pessoas, na maior parte do tempo. 32°N é o primeiro produto de vários em nosso roteiro. Ele foi desenvolvido para oferecer uma solução tecnológica contínua para um problema que muitos usuários enfrentam”.

Semelhante a telefones celulares ou fones de ouvido Bluetooth, cada carga completa de 32°N dura um dia inteiro. Ao contrário das soluções concorrentes, 32°N não requer nenhum período de adaptação.

Yariv Haddad, CEO e co-fundador da DeepOptics, disse que espera que os óculos sejam vendidos a um preço de varejo de US$ 449, mas as primeiras pessoas a se comprometerem com a conta do Kickstarter podem obtê-los por US$ 299, com entrega estimada para abril de 2022. A empresa é apoiada pela Essilor, empresa de ótica francesa considerada a maior fabricante de óculos do mundo, assim como pela Samsung Ventures, e está preparada para a produção assim que tudo estiver pronto.

Existem duas ou três startups no mundo que estão desenvolvendo tecnologia semelhante, mas são mais limitadas e menos desenvolvidas, disse Haddad.

“Estamos entusiasmados por estar à frente nesta área, trabalhando para melhorar a qualidade de vida de tantas pessoas e temos muito mais pela frente”, disse ele.

One thought on “Startup israelense traz alta tecnologia para óculos de leitura

Fechado para comentários.