Visitas ao site árabe da Biblioteca de Israel dobram

Em 2021, o site em árabe da Biblioteca Nacional de Israel (NLI) recebeu mais de dois milhões de visitas de 1,5 milhão de usuários em todo o mundo. Este foi um aumento de 125 por cento em relação ao ano anterior.

Cerca de 650.000 usuários de todo o mundo árabe visitaram os sites em árabe e inglês da NLI, um aumento de 40% em relação a 2020. A maioria dos usuários da região era de homens jovens da Argélia, Egito, Jordânia, Autoridade Palestina e Arábia Saudita.

O site trilíngue da NLI (hebraico, árabe e inglês) atraiu cerca de 10 milhões de visitas no ano passado, observou o instituto. Os visitantes do site desfrutaram das coleções líderes mundiais de Judaica e “Israeliana”, bem como uma extensa coleção de Islã e Oriente Médio.

Esta coleção inclui milhares de manuscritos e livros raros em árabe, persa e turco que datam dos séculos IX a XX.

A Biblioteca carregou muitos desses recursos, concedendo acesso digital a centenas de milhares de páginas da imprensa árabe histórica do período otomano e Mandato da Palestina e a milhares de manuscritos e livros islâmicos raros, e também lançou uma página e publicação em árabe no Facebook.

Esses recursos, de acordo com a Biblioteca, foram desenvolvidos principalmente como parte da missão da NLI de servir a todos os cidadãos de Israel, incluindo sua comunidade árabe. No ano passado, houve cerca de 900.000 visitas de mais de 620.000 usuários ao site em árabe de usuários de Israel, 220% a mais que no ano anterior.

LEIA TAMBÉM

Nos últimos anos têm havido um interesse crescente nos recursos da Biblioteca em todo o Oriente Médio. No ano passado, por exemplo, o NLI e os Arquivos Nacionais dos Emirados Árabes Unidos assinaram um memorando de entendimento, na esteira do aumento do interesse na colaboração regional iniciada com os Acordos de Abraham.

“A tecnologia permite que a cultura e a palavra escrita ultrapassem fronteiras e alcancem novos lugares antes inacessíveis”, diz Yaron Deutscher, Head of Digital da NLI.

“O fato de tantas pessoas de todo o mundo árabe estarem expressando um nível tão alto de interesse pelos tesouros culturais disponíveis gratuitamente no site da Biblioteca Nacional de Israel mostra o quão relevantes são essas coisas, mesmo para a geração mais jovem que vive em nossa região”.

Fonte: ISRAEL21c
Foto: Biblioteca Nacional de Israel (Cortesia)

One thought on “Visitas ao site árabe da Biblioteca de Israel dobram

Fechado para comentários.