Volta às aulas no domingo ainda é dúvida

A chefe da Saúde Pública de Israel, Sharon Alroy-Preis, questionou o retorno às aulas presenciais: “No próximo domingo provavelmente não voltaremos às aulas”.

Embora enfatize que há sinais de que Israel esteja controlando a pandemia, ele admitiu que é improvável que as taxas desejadas sejam atingidas até domingo e, portanto, nem mesmo os pré-escolares devem retornar às salas de aula.

“Também sou mãe de crianças do primeiro e terceiro anos e quero saber quando vão para a escola”, disse Alroy-Preis, mas esclareceu que de momento não pode ser definida uma data de regresso.

Alroy-Preis apresentou à mídia um plano sobre a estratégia de saída da quarentena que o Ministério da Saúde entregou ao governo e que será discutido nesta terça-feira na reunião de gabinete do coronavírus. O plano tem nove etapas e pode durar até quatro meses ou mais, com duas semanas entre cada etapa.

LEIA TAMBÉM

“Os dados de hoje são animadores, mas estes são os dados do fim de semana, por isso temos que ter muito cuidado”, disse ela. “Ainda não acreditamos que atingimos nosso objetivo. Veremos os próximos dados. Esperamos que, com o controle da doença, o número de pacientes críticos e a mortalidade também diminuam”.

Em resposta aos comentários de Alroy-Preis, Benny Gantz disse que seu partido pressionaria para abrir negócios privados, que não recebem público, já nesta semana – dentro do esquema da Faixa Roxa. Ele também disse que o país deve se preparar para abrir pré-escolas nos próximos dias.

“O declínio que estamos vendo na morbidade é bom, mas tem um preço alto para centenas de milhares de pessoas que perderam seu sustento, em empresas que estão prestes a fechar e nas centenas de milhares de crianças que não estão recebendo uma educação adequada”, disse ele.

“Desta vez, não devemos deixar a quarentena imprudentemente, mas é possível nos próximos dias dar uma resposta limitada a estabelecimentos onde não haja perigo de doença”.

One thought on “Volta às aulas no domingo ainda é dúvida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *