Ashkelon de olho no turismo interno e externo

Um estudo realizado em 2011 descobriu que a indústria de atrações nos EUA gerou um impacto econômico total de quase 219 bilhões de dólares.

Essas atrações trazem dinheiro diretamente da venda de ingressos para os parques temáticos, para despesas relacionadas com hotéis, lojas e restaurantes. Além disso, a indústria de parques criou 1,3 milhão de empregos.

Com o desejo de desenvolver o turismo e, assim, melhorar a economia dos moradores, a prefeitura de Ashkelon está atualmente trabalhando na criação de um parque aquático de escala internacional.

De acordo com o plano, o parque será concluído nos próximos anos e fará parte do complexo de lazer e turismo que será construído no noroeste da cidade, próximo à praia de Nitsanim.

Ashkelon tem bons dados de partida: a cidade tem um belo trecho de praia, é cheia de antiguidades e locais históricos e oferece uma variedade de restaurantes, comida de rua e complexos comerciais.

No entanto, até hoje o turismo estrangeiro na cidade era baseado principalmente em judeus franceses. Agora, com o planejamento para estabelecer um parque aquático na cidade, Ashkelon pretende se tornar um centro de peregrinação para o turismo nacional e estrangeiro de todo o mundo.

LEIA TAMBÉM

Autoridades municipais dizem que a criação do parque aquático é uma ideia antiga do prefeito, Tomer Glam, que pretende colocar Ashkelon no mapa do turismo mundial. A prefeitura acrescenta que o parque que será construído em Ashkelon pode ser comparado com parques de grande dimensão nos EUA, Dubai e Tailândia.

O parque ocupará uma área 60 mil m2, a maioria dos quais será utilizada para mais de 25 atrações, que inclui rios artificiais com ondas de cerca de 60 cm de altura A instalação permitirá que você se desloque entre as várias atrações do parque, que incluirão, entre outras coisas, uma piscina de ondas, uma piscina de atividades com diferentes trilhas, uma enorme estrutura que inclui seis tobogãs, toboáguas e piscinas para crianças, jogos infantis e splash pad, complexo de tubos, etc. Além de tudo isso, o parque terá aproximadamente 6.600 m2 de complexos comerciais e de eventos e atividades, e um grande estacionamento estará disponível para os visitantes.

Ashkelon se esforça para que o parque sirva como atração central para os milhões de turistas que visitam o país. Os hotéis serão construídos ao longo da praia perto do parque aquático, de modo que o parque aquático será uma atração adicional para passar o tempo na cidade. A intenção é que os turistas israelenses que vêm frequentemente a Ashkelon também venham ao parque aquático.

Fontes: The Marker e Globes
Foto (ilustrativa): PROSLIDE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.