“Asia” representará Israel no Oscar internacional

O Ophir Awards, o maior prêmio de cinema de Israel, coroou a “Asia” de Ruthy Pribar como Melhor Filme. O filme agora se torna automaticamente o representante do país para a corrida do Oscar Internacional de 2021 (anteriormente chamado de Oscar de Melhor Filme Estrangeiro).

A cerimônia deste ano foi realizada em uma edição especial do programa Culture Agent, apresentado por Kobi Meidan, substituindo o tradicional evento ao vivo, que foi cancelado devido à pandemia.

“Asia” foi selecionado para o Festival de Tribeca este ano e ganhou o prêmio de Melhor Atriz do festival com Shira Haas. Acompanha uma jovem mãe que vive com sua filha, agora adolescente. Quando a filha fica doente, sua mãe deve intervir e se tornar a mãe de que sua filha precisa desesperadamente.

O filme também ganhou os Ophirs de Melhor Atriz (Alena Yiv), Melhor Atriz Coadjuvante (Shira Haas) e Melhor Fotografia (Daniella Nowitz).

LEIA TAMBÉM

Outros vencedores da cerimônia foram “Here We Are” de Nir Bergman, que levou os prêmios de Melhor Diretor, Melhor Roteiro (Dana Idisis), Melhor Ator (Shai Avivi) e Melhor Ator Coadjuvante (Noam Inber).

“Advocate”, sobre a advogada Lea Tsemel, ganhou o prêmio de Melhor Documentário de mais de 60 Minutos.

Durante a cerimônia, Meidan foi acompanhado pelo fundador da United King Films, Moshe Edery, o cineasta Hagar Ben-Asher e o produtor Assaf Amir, que dirige a Academia Israelense de Cinema e Televisão. O trio concordou que o setor cinematográfico israelense se recuperaria do impacto da pandemia.

Israel foi indicado na categoria do Oscar Internacional 10 vezes, mas nunca ganhou.

One thought on ““Asia” representará Israel no Oscar internacional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *