Autoridades dizem que Omicron começa a recuar

Especialistas em saúde acreditam que a onda de coronavírus desencadeada pela variante Omicron que agora varre Israel pode atingir o pico na próxima semana, informou a TV israelense, na sexta-feira.

Citando avaliações do Ministério da Saúde, o Canal 13 disse que o número de novas infecções diárias começou a ficar mais moderado. Fontes do ministério estimam que a contagem de casos confirmados começará a diminuir dentro de uma semana, de acordo com a rede.

O Canal 12 citou especialistas, sem identificá-los dizendo que os casos começarão a cair no meio da próxima semana ou no próximo fim de semana, o mais tardar.

As reportagens foram exibidas enquanto o número de novos casos diários permanecem em níveis recordes, com os dados mais recentes do Ministério da Saúde mostrando quase 70.000 pessoas com resultado positivo para COVID-19 na sexta-feira.

Aqueles que receberam a terceira dose de reforço da vacina ainda permaneceram mais protegidos contra sintomas graves de COVID, mostraram dados do Ministério da Saúde, acrescentando que 85% dos israelenses com mais de 60 anos receberam reforço, enquanto apenas 60% dos israelenses com mais de 60 anos que foram hospitalizados em estado grave receberam o reforço.

Pouco mais de 20% dos testes na quinta-feira deram positivo, sendo 22,5% das amostras de PCR e 18,4% das amostras de antígeno rápido.

LEIA TAMBÉM

O Ministério da Saúde também divulgou números de sete dias que mostraram 436.028 novos casos durante esse período, um aumento de 67% em relação à semana anterior. Os casos graves totalizaram 775, um aumento de 130,7% em relação à semana anterior. As mortes relacionadas à COVID somaram 58, um aumento de 34,9% em relação à semana anterior.

Na quarta-feira, os dados do COVID mostraram que Israel estava liderando o mundo em novos casos diários de COVID-19 per capita. No entanto, Israel está testando a uma taxa mais alta do que muitas nações.

Fonte: The Times of Israel
Foto: Canva

One thought on “Autoridades dizem que Omicron começa a recuar

Fechado para comentários.