Canal islâmico se desculpa por discurso de ódio

Um programa no canal Islam que caracterizou o povo judeu como “tirano” e com uma “mente maligna” violou as regras de transmissão da Ofcom (entidade reguladora dos serviços de comunicação do Reino Unido). “Estamos avisando ao Licenciado que consideraremos essas violações para imposição de uma sanção estatutária”, afirmou o órgão nesta segunda-feira.

O canal em inglês transmitido em mais de 136 países, incluindo o Reino Unido, oferece programas de uma perspectiva islâmica.

Um episódio de sua série de educação religiosa The Rightly Guided Khalifas, transmitido no ano passado, continha “conteúdo potencialmente antissemita muito prejudicial e altamente ofensivo” e “representa sérias violações do Código”, concluiu Ofcom. “Em nossa opinião, a transmissão deles tinha o potencial de promover, incentivar e incitar essa intolerância entre os telespectadores”, disse o regulador.

O programa incluía alegações controversas de que Israel imprimiu centenas de milhares de cópias adulteradas do Alcorão em 1961 para disseminar na Ásia e na África. Segundo o programa, Israel foi fundado sob “tirania e opressão” e “continua com seus atos venenosos com sua tentativa de mudar o significado do Alcorão”.

Segundo a Ofcom. vários elementos do programa violavam a Aliança Internacional de Recordação do Holocausto.

O Islam Channel aceitou os motivos apresentados pelo regulador por violar as regras 3.2, 3.3 e 2.3 do código. Embora argumentando que o conteúdo não tenha incitado ou encorajado nenhum crime, o canal reconheceu que atendia à definição de discurso de ódio do código e não era justificado por seu contexto.

O canal disse que o episódio foi transmitido por engano depois que um membro mais jovem da equipe não revisou o conteúdo que havia sido identificado anteriormente como “problemático” e removido da programação.

O Islam Channel pediu desculpas duas vezes pelo episódio em declarações revisadas pela Ofcom transmitidas em 29 de agosto e 1º de setembro. “O Islam Channel lamenta profundamente que este programa tenha sido transmitido e pede desculpas sinceramente a todos os telespectadores”.

O canal islâmico é um canal de televisão por satélite, de língua inglesa, focado em islâmicos e com base no Reino Unido, financiado por publicidade e doações. Pesquisa realizada em 2008 pelo governo do Reino Unido apontava que 59% dos muçulmanos britânicos assistiam ao canal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *