FDI atinge alvos em Gaza após foguetes disparados pelo Hamas

Cerca de 200 foguetes foram disparados contra Israel a partir da Faixa de Gaza, de segunda à noite a terça de manhã, dezenas dos quais foram interceptados pelo sistema de defesa antimísseis Iron Dome.

Os militares das Forças de Defesa de Israel afirmam que realizaram ataques retaliatórios contra cerca de 130 alvos na Faixa de Gaza, incluindo a casa de um importante comandante do Hamas, o quartel-general da inteligência do Hamas, dois túneis de ataque que chegaram perto da barreira de segurança e locais de produção e armazenamento de foguetes.

As FDI afirmam que também mataram pelo menos 15 membros do Hamas que lançavam foguetes contra Israel.

Três israelenses ficaram feridos quando pelo menos dois foguetes disparados de Gaza atingiram prédios em Ashkelon, cidade no sul de Israel, no início da manhã. Dezenas de foguetes foram lançados em direção à cidade, mas a maioria foi interceptada.

LEIA TAMBÉM

Israel disse que continuará a atacar alvos em Gaza enquanto os lançamentos de foguetes continuarem.

A Força Aérea Israelense realizou ataques em toda a Faixa de Gaza durante a noite, enquanto os foguetes disparados da Faixa atingiam as comunidades israelenses.

Segundo a mídia palestina, as cidades de Rafah e Khan Younis, no sul, e em um prédio residencial no campo de al-Shati, perto da cidade de Gaza foram atingidas e um prédio no bairro nobre de Tel al-Hawa na cidade de Gaza foi destruído.

Uma multidão árabe invadiu um bairro em Lod, vizinho à cidade de Ramle, incendiou carros e pneus e quebrou vitrines das . Um grupo, gritando “Libertaremos al-Aqsa com sangue e fogo”, pegou uma bandeira israelense e colocou uma bandeira palestina em seu lugar.

O Hamas e as FDI expressaram oposição aos esforços do Egito para mediar um cessar-fogo na noite de segunda para terça-feira.

De acordo com o Al -Araby Al-Jadeed, o Hamas avisou as autoridades egípcias que os grupos terroristas em Gaza se recusaram a se envolver em qualquer negociação, a menos que Israel retire as forças de segurança do Monte do Templo e do bairro de Sheikh Jarrah e libere todos os detidos em confrontos recentes em Jerusalém e na região da Samaria e Judeia. Também exigiu o cancelamento dos despejos planejados em Sheikh Jarrah.

O Hamas alertou que tinha um banco de alvos que poderia atingir com “grande sucesso” e novos mísseis que usaria pela primeira vez, caso suas demandas não fossem atendidas nas próximas horas.

O grupo terrorista disse às autoridades egípcias que eles estavam “abandonando completamente” os acordos anteriores firmados com Israel e começando da estaca zero.

Grupos terroristas na Faixa de Gaza anunciaram que estavam lançando uma operação chamada de “Espada de Jerusalém”, enquanto Israel anunciava que estava lançando uma operação chamada “Guardião das Muralhas”.

Fontes: The Times of Israel e The Jerusalem Post
Foto: Edi Israel (Flash90)

2 thoughts on “FDI atinge alvos em Gaza após foguetes disparados pelo Hamas

Fechado para comentários.