Jogo online tem campos nazistas e imagens do Holocausto

Bandeiras alemãs tremulam ao lado de uma cruz de ferro acima de câmaras rotuladas como “sala de gás” e uma pira ardente de cadáveres.

No entanto, esta não é uma filmagem histórica de um campo de extermínio nazista, mas do Roblox, um jogo de computador extremamente popular entre crianças em idade escolar em todo o mundo.

Roblox é uma plataforma online, fundada em 2006 e sediada na Califórnia, que permite aos usuários criar seus próprios jogos e jogar aqueles criados por outros. Alguns usuários criaram uma experiência virtual de campo de concentração, incluindo uma sala na qual os jogadores podem clicar em “executar” para liberar gás mortal dos chuveiros.

Sua natureza interativa o tornou extremamente popular. Em agosto de 2020, tinha mais de 164 milhões de usuários ativos mensais.

A Roblox baniu os criadores de uma “experiência de campo de concentração”, informou o jornal britânico Mail on Sunday.

O jogo apresentava câmaras de gás que as crianças podiam ativar para “matar” pessoas, bem como cadáveres, um forno crematório, blocos de celas, soldados em uniformes nazistas e bandeiras alemãs hasteadas sobre torres de vigilância no estilo Lego, de acordo com o Britain’s Mail.

LEIA TAMBÉM

“O horrível campo de concentração virtual, descoberto por um de nossos repórteres, também incluiu uma pira funerária em chamas de avatares mortos – os personagens na tela que representam aqueles que jogam o jogo”, escreveu o jornal.

O jogo também permitia que participantes e espectadores comentassem sobre as mortes.

De acordo com o blogueiro de mídia social Brian Dean, Roblox tem 43,2 milhões de usuários diários, 9,5 milhões de desenvolvedores de jogos e 40 milhões de jogos para escolher. Dois terços de seus usuários têm menos de 16 anos. Relatórios estimam que dois terços das crianças entre 9 e 12 anos nos EUA jogam pelo menos uma vez por semana.

Em uma declaração ao Mail, Roblox disse: “Temos tolerância zero para conteúdo ou comportamentos que promovam ou glorifiquem o extremismo, incluindo o antissemitismo. Removemos as experiências em questão e banimos os indivíduos que as criaram”.

A declaração acrescentou: “Trabalhamos incansavelmente para manter uma plataforma segura, civil e inclusiva, e usamos ferramentas de detecção manuais e automatizadas para remover rapidamente experiências que não estão em conformidade com os padrões da nossa comunidade”.

Fontes: Unites With Israel e The Jewish Chronicle
Foto: Captura de tela Roblox