“Sala de Aula Verde” será estendida para creches

Na noite de ontem, o primeiro-ministro Naftali Bennett, com base nas recomendações do Ministério da Saúde decidiu sobre a expansão do plano “Sala de Aula Verde”.

Segundo o governo, o modelo “será estendido às cidades verdes e amarelas por completo, a partir de domingo, 24 de outubro de 2021.

O modelo “Sala de Aula Verde” também será estendido para jardins de infância e creches nas cidades verdes e amarelas, começando também no domingo, 24 de outubro.

Para as cidades laranja e vermelha, um modelo diferente será formulado pelos Ministérios da Saúde e da Educação, que será apresentado em breve.

No período da tarde, os alunos que participam do esquema “Sala de Aula Verde” não participarão de atividades com outros jovens que não incluam alunos da turma, nem entrarão nos locais onde se aplica o Passaporte Verde.

LEIA TAMBÉM

Isso visa reduzir as chances de infecção e manter a saúde dos alunos, ao mesmo tempo que mantém o sistema de ensino aberto.

A reunião contou com a presença do Ministro da Saúde, do Ministro da Educação, do Diretor-Geral do Ministério da Saúde, do Diretor-Geral do Ministério da Educação, do Comissário da Corona, da Chefe dos Serviços de Saúde Pública do Ministério da Saúde, o Comando da Frente Interna, Ministério das Finanças, Procurador-Geral Adjunto, Ministro Adjunto da Defesa da Defesa e outros profissionais.

Fonte: Gabinete do Primeiro Ministro
Foto: Marcia Cherman Sasson (Revista Bras.il)