Israel dará AstraZeneca a quem não puder receber Pfizer

Israel começará a oferecer a opção de receber a vacina contra o coronavírus AstraZeneca a partir de quinta-feira, anunciou o Ministério da Saúde na segunda-feira.

A vacina estará disponível com um encaminhamento médico específico, que será dado àqueles que não podem receber uma vacina de mRNA por razões médicas ou que experimentaram efeitos colaterais significativos após a Pfizer, ou em outras circunstâncias especiais.

A vacina da AstraZeneca é baseada em uma tecnologia diferente da Pfizer e Moderna, que são vacinas de RNA mensageiro. A AstraZeneca usa um vírus animal enfraquecido como vetor viral e contém a proteína spike do coronavírus para que as células do corpo sejam capazes de reconhecê-lo e produzir anticorpos.

Ela recebeu aprovação de emergência da Agência Europeia de Medicamentos e outros órgãos de saúde, mas não da Food and Drug Administration, dos EUA.

Como no caso das vacinas de mRNA Pfizer e Moderna, a AstraZeneca também requer duas doses.

LEIA TAMBÉM

Tanto os indivíduos que receberem duas doses de AstraZeneca quanto aqueles que completarem seu processo de vacinação com a segunda dose da AstraZeneca após receberem uma primeira da Pfizer serão considerados totalmente protegidos apenas 14 dias após a segunda dose.

Além disso, os indivíduos que receberem uma dose de reforço da AstraZeneca serão considerados inoculados após duas semanas (para a Pfizer é após sete dias).

Até segunda-feira, 6,2 milhões de israelenses receberam pelo menos uma dose de uma vacina contra o coronavírus, 5,7 milhões, pelo menos, duas e 3,8 milhões também foram inoculados com um reforço.

O sucesso da vacina de reforço foi creditado por autoridades de saúde e especialistas como o fator decisivo para que o país deixasse a quarta onda para trás sem impor qualquer restrição significativa.

No domingo, 1.199 novos casos foram registrados. Um mês atrás, eram mais de 6.500.

Fonte: The Jerusalem Post
Foto: Gencat, CC0 (Wikimedia Commons)

One thought on “Israel dará AstraZeneca a quem não puder receber Pfizer

Fechado para comentários.