Terror em Tel Aviv: dois mortos e terrorista eliminado

O terrorista que realizou um ataque a tiros ontem à noite na rua Dizengoff, a rua mais badalada de Tel Aviv, repleta de bares, restaurantes e butiques e no dia mais movimentado da semana, quando se inicia o final de semana israelense, foi encontrado nas proximidades de Yaffo e morto pelas forças de segurança.

De acordo com Alon Ben David, o correspondente militar do Canal 13, o atirador foi identificado como Raed Hazam, de 27 anos do Campo de Refugiados de Jenin.

A notícia chegou depois de uma noite de intensas buscas em que os soldados foram de porta em porta, procurando o atirador que matou dois e feriu 10 em um bar movimentado de Tel Aviv.

Centenas de membros da Policia, Exército e Polícia das Fronteiras vasculharam os becos estreitos do centro de Tel Aviv, temendo que o atirador pudesse fazer reféns nos esforços para evitar a captura.

Na madrugada, os agentes de segurança aumentaram seu raio de ação por cerca de 2 km do local do atentado, e procuraram o terrorista desde as praias até a cidade de Yaffo.

Bloqueios de estradas também foram montados fora de Tel Aviv em áreas principalmente árabes, caso o atirador já tivesse conseguido fugir da cidade.

Dez pessoas foram levadas para o Hospital Ichilov, duas das quais foram declaradas mortas: Tomer Morad, 28 anos, funcionário do bar Ika, e outro jovem de 27 anos. Outros quatro estavam em estado crítico e passaram por cirurgia, de acordo com o hospital. Dois ficaram gravemente feridos e outros dois com ferimentos leves.

LEIA TAMBÉM

Quatro outras pessoas com ferimentos leves foram levadas para o Hospital Wolfson em Holon e o Hospital Sheba em Tel Hashomer.

Um dos clientes do bar Ika, Raanan Shimon, foi baleado no rosto, com os médicos descrevendo sua condição como “um milagre” quando a bala entrou em sua bochecha direita e saiu pela esquerda. Ele foi hospitalizado e seu estado foi descrito como bom a moderado.

Depois de abrir fogo contra os clientes do bar, o atirador aparentemente desviou por uma rua lateral onde continuou atirando, inclusive em um homem que havia fugido do bar.

“Depois de ouvir os primeiros tiros, corremos”, disse Idan, um dos clientes do bar, à Ynet.

“Quando levantei a cabeça, vi alguém parado na minha frente com uma arma e carregando-a. Eu apenas corri e ouvi cinco tiros, não olhei para trás”, disse Idan.

“O terrorista estava a cerca de dois metros de mim, atirou em mim, mas errou e atingiu um carro próximo”, disse ele, contando sua fuga.

Um amigo dele que correu para um andar superior após os primeiros tiros presenciou o incidente. “Eu vi o terrorista sacar a arma e engatilhar, gritei com ele e acho que isso o assustou e ele fugiu”, disse ele.

O terrorista teria continuado para o sul, atirando nas pessoas, antes de desaparecer.

O Hamas respondeu ao ataque terrorista. “Os ataques da resistência são uma resposta natural aos crimes de Israel contra o povo palestino”, declarou o porta-voz do Hamas, Abdelatif Al-Qanou.

O grupo terrorista não assumiu a responsabilidade pelo ataque, mas acrescentou que “mostra que a resistência organizada é capaz de penetrar no sistema de segurança israelense”.

A Jihad Islâmica Palestina também elogiou o ataque.

O movimento Fatah, do presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas, disse em resposta ao ataque que “o mundo precisa saber que a ocupação continuada levará a mais violência e matança”.

Fontes: World Israel News, Israel National News, Ynet e Noticias de Israel
Foto: Policia de Israel

3 thoughts on “Terror em Tel Aviv: dois mortos e terrorista eliminado

  • 8 de abril de 2022 em 11:11
    Permalink

    Toda essa onda de terror e devido a fraqueza e convivencia desse governo esquerdista que manda dinheiro para a OLP pagar as familias de terroristas mortos ou presos e sede para as ameacas árabes de violencia por causa do ramadan árabe!! Gracas a d’us esse governo fraco e traidor ja esta com os dias contados!! Nao tem mais maioria no Knesset e por conseguinte acabou a mamata!! lapid, bennet, gantz, e toda essa caterva vao para o buraco sujo de onde nunca deveriam ter saido!!!

  • Pingback: O terror faz mais uma vítima - Revista Bras.il

  • Pingback: FDI, polícia e Shin Bet criticam cobertura da mídia - Revista Bras.il

Fechado para comentários.

%d blogueiros gostam disto: