Articulações continuam para formação de novo governo

Apesar das muitas reuniões entre os vários partidos, para a formação de um novo governo, os oponentes de Netanyahu ainda não decidiram sobre o candidato a ser recomendado ao presidente Rivlin.

O líder do partido Nova Esperança, Gideon Sa’ar, pediu ao presidente do Yesh Atid, Yair Lapid, nesta terça-feira, para “colocar o ego de lado”, em um aparente apelo para permitir que o líder do Yamina, Naftali Bennett, seja indicado como primeiro-ministro em um possível novo governo composto pelos partidos de oposição a Benjamin Netanyahu.

E sua conta no Twitter, Sa’ar postou, “desisti do ego. Agora é a sua vez”, disse ele se dirigindo a Lapid.

Lapid concordou e disse: “Não há nada que eu não esteja disposto a examinar, não há pedra que não viremos, não há possibilidade de não considerarmos formar o governo da mudança e tirar Netanyahu de Balfour”.

O presidente do Yesh Atid esclareceu seu objetivo: “Eu disse durante a campanha eleitoral, e digo até agora: o estado é mais importante do que minhas aspirações pessoais, ou de qualquer outra pessoa.”

LEIA TAMBÉM

Lapid acrescentou: “A tarefa do Bloco de Mudança para a próxima semana é evitar o perigo que o presidente imporá a Netanyahu de formar um governo. Tudo estará sobre a mesa. Estaremos prontos para concessões dolorosas, o principal é formar um governo de mudança e trabalhar para curar o país de dois anos de crise social e política”.

O líder partido de centro Yesh Atid,  o maior do bloco anti-Netanyahu, se reuniu com vários líderes partidários nos últimos dias como parte de esforços complexos para construir uma coalizão governamental após as eleições. Até agora, recebeu o apoio dos partidos Yisrael Beitenu, Avodá e Meretz para formar o próximo governo.

Antes da eleição de 23 de março, Bennett descartou ingressar em um governo liderado por Lapid, assim como Sa’ar. O Yamina, de Bennett, tem apenas 7 cadeiras, mas ele não se comprometeu com o bloco pró ou anti-Netanyahu.

Sa’ar, ex-ministro e ex-parceiro de Netanyahu, deixou o Likud em dezembro para formar o Nova Esperança, com o objetivo de substituir Netanyahu. Pouco depois de sua formação, o partido tinha a previsão de ter até 21 cadeiras, mas perdeu gradualmente o apoio e acabou com apenas 6 cadeiras após as eleições da semana passada.

Fontes: Enlace Judio e Kipa

Fotos: Reprodução Twitter (Bennett), Levy Dudy, Wikimedia Commons (Yair Lapid), U.S. Embassy Jerusalem, , Wikimedia Commons (Benjamin Netanyahu)

One thought on “Articulações continuam para formação de novo governo

Fechado para comentários.