Projeto visa promover a paz com viagens

Quase dois anos após a assinatura dos Acordos de Abraão, as relações entre Jerusalém e Rabat estão em alta e diferentes grupos estão procurando maneiras de nutrir as novas conexões de Israel com o mundo árabe.

Uma delegação marroquina-israelense está criando uma forma de promover projetos sociais diferentes e inovadores, conectando viajantes dos dois países. O projeto da ONG ISRAELI-is, por meio de sua delegação de Líderes do Amanhã, busca formas de fomentar novas conexões com o mundo árabe.

O Diretor de Estratégia ISRAELI-is, Matan Dansker, disse que dentro de sua plataforma pretende conectar jovens israelenses com seus pares nos países árabes. “Tentamos trazer a paz ao terreno, e a melhor maneira de fazer isso é por meio de inovação e soluções que sejam boas para a sociedade e que unam as pessoas para cruzar fronteiras e se encontrar”, disse Dansker.

LEIA TAMBÉM

🧿 03/01/2021 – Marrocos quer ser uma atração turística para Israel
🧿 13/12/2020 – Empresas aéreas se preparam para voar para Marrocos
🧿 11/12/2020 – Israel e Marrocos concordam em normalizar relações

Em fevereiro, Marrocos e Israel concordaram que a companhia aérea nacional de Rabat, Royal Air Maroc, lançaria voos diretos Tel Aviv-Casablanca e, em 13 de março, o primeiro voo para fazer essa rota decolou. “Nosso projeto é viajar pela paz, estamos aproximando as pessoas”, disse Basma Okbi, participante do grupo Líderes do Amanhã. “É uma coisa incrível conhecer o povo israelense em Israel. É uma grande oportunidade de conhecer mais pessoas e vivenciar mais cultura”.

Maya Avni, outra delegada da ONG, explicou que ela e Okbi estão trabalhando em um site que conecta viajantes israelenses no Marrocos e marroquinos em Israel com voluntários que os hospedarão durante suas viagens. “Vamos construir uma comunidade de viajantes pela paz. Nossa visão de longo prazo é expandir este projeto a todos os outros países dos Acordos de Abraão”.

Fonte: Ynet
Foto: Canva