Sirenes tocam no sul após disparo de foguetes de Gaza

Terroristas em Gaza dispararam um foguete contra o sul de Israel na noite de sábado, acionando sirenes que soaram em toda a região.

O Sistema de Defesa Aérea Iron Dome interceptou o foguete no ar. Foi o segundo ataque de foguete em dois dias. O primeiro foi lançado na sexta-feira à noite.

Os ataques foram uma demonstração de apoio aos seis prisioneiros que escaparam da prisão de Gilboa, no norte de Israel, na segunda-feira. Quatro deles foram capturados no fim de semana.

“Esperem por nós, filhos de macacos e porcos, esta noite com os assobios de terror que partirão seus corações e fugirão para seus abrigos como ratos”, advertiu a Jihad Islâmica.

A Força Aérea atacou alvos do Hamas na Faixa de Gaza usando aviões e helicópteros, atingindo um complexo militar com várias oficinas subterrâneas de produção de foguetes da organização terrorista, um centro de treinamento militar da organização, um acampamento militar com um local para armazenar armas e um túnel terrorista.

LEIA TAMBÉM

Um homem de 29 anos ficou levemente ferido quando corria para a área protegida durante o alarme. Ele foi levado ao Hospital Barzilai com um ferimento na cabeça.

Pouco antes de as sirenes de alerta vermelho soarem, Abu Obadiah, porta-voz da ala militar do Hamas, a Brigada Qassam, fez um discurso na Faixa de Gaza expressando solidariedade aos seis fugitivos, relatou o The Jerusalem Post.

“Jenin e seus revolucionários e heróis não estão sozinhos. Não permitiremos que o inimigo domine nosso povo no campo e cumpriremos nosso dever nacional para com eles”, afirmou.

Alon Davidi, prefeito da cidade de Sderot, no sul, criticou o governo de Israel pela resposta fraca ao terror que fortalece os grupos terroristas. “Bennett e Gantz, devolvam a paz e o sentimento de segurança aos residentes de Sderot e às comunidades fronteiriças de Gaza”, disse ele.

Fontes: Arutz Sheva e 13 News
Foto: Israel Defense Forces from IsraelCC BY 2.0 (Wikimedia Commons). Foto ilustrativa, 2014.

3 thoughts on “Sirenes tocam no sul após disparo de foguetes de Gaza

Fechado para comentários.