Governo pode cancelar isenção de isolamento de vacinados

Os índices de morbidade continuam elevados e o Ministério da Saúde está considerando mudar a política de isenção do isolamento para pessoas vacinadas com as duas doses e pessoas recuperadas do corona.

Apesar do lockdown e da extensa campanha de vacinação, os números de morbidade ainda não estão diminuindo.

De acordo com a política atual, quem foi vacinado ou recuperado está isento de isolamento após contato com paciente infectado ou retornado do exterior.

O Ministério da Saúde teme que qualquer outra fonte de infecção possa levar a uma carga maior de pacientes nos hospitais, e também que alguém que tenha sido vacinado ou se recuperou do corona possa carregar o vírus em seu corpo e até infectar outras pessoas, sem ele mesmo adoecer.

LEIA TAMBÉM

Portanto, está prevista para os próximos dias uma discussão em que poderá ser decidido pelo cancelamento do benefício da isenção de isolamento para vacinados e em recuperação.

Na semana passada, a Associação de Médicos da Saúde Pública assumiu uma posição semelhante em uma discussão no comitê constitucional sobre o certificado de vacinação, sustentando que uma permissão concedida a pessoas vacinadas não isentaria o vacinado de fazer um teste corona comum ou PCR antes de entrar em um evento ou voo, enquanto não houver evidência de que os vacinados não estão infectados.

A aprovação da “recuperação” seria dada somente após a realização de um teste sorológico para determinar o nível de anticorpos.

Foto: Hermann Kollinger (Pixabay)

One thought on “Governo pode cancelar isenção de isolamento de vacinados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *