Terrorismo palestino levanta sua cabeça de novo

O primeiro-ministro Naftali Bennett prometeu capturar os homens armados que abriram fogo contra um carro israelense perto de um posto avançado no norte da região da Samaria e Judeia na noite de quinta-feira, matando um homem e ferindo outros dois.

Yehuda Dimentman, de 25 anos, que vivia em Shavei Shomron e era estudante em uma yeshiva em Homesh foi levado para o hospital, mas não resistiu. Ele deixa esposa e um bebê de 9 meses.

Duas outras vítimas sofreram ferimentos leves e moderados de vidro quebrado e foram levadas de ambulância para o Centro Médico Meir em Kfar Saba.

O ministro da Defesa, Benny Gantz, disse que as forças de segurança israelenses entrarão em alerta máximo após o tiroteio, que ocorreu ao longo da estrada perto do assentamento de Shavei Shomron e do posto de Homesh, a oeste de Nablus.

“Aumentaremos nossa vigilância e prontidão para impedir o terrorismo na Judeia e Samaria, e continuaremos a tomar todas as medidas necessárias para enfrentar os grupos terroristas na área”, disse ele, usando o termo bíblico para a região também conhecida como Cisjordânia.

LEIA TAMBÉM

O ministro da Segurança Pública, Omer Barlev, que nas últimas semanas enfrentou críticas de ministros pró-assentamentos e legisladores de oposição de direita por levantar a questão do aumento da violência dos colonos da região contra os palestinos, chamou o tiroteio de “grave ataque”.

“O terrorismo palestino levanta sua cabeça novamente”, tuitou Barlev, acrescentando um versículo dos Salmos: “Perseguirei meus inimigos e os destruirei, e não voltarei até que sejam consumidos”.

O ministro do Exterior, Yair Lapid, disse que Israel usaria “todas as medidas” à sua disposição para capturar os “terroristas desprezíveis”.

“Eu apoio as FDI e as forças de segurança que enfrentam a violência e o terror dia e noite. Eles porão as mãos nos assassinos e em quem os enviou”, acrescentou Lapid.

O porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Ned Price, disse: “Condenamos veementemente o ataque terrorista hoje que matou um cidadão israelense e feriu outros dois. Nossos pensamentos estão com as vítimas deste ataque e suas famílias”.

Nas últimas semanas viu-se um aumento nos ataques terroristas palestinos, com quatro deles ocorrendo em Jerusalém.

Fonte: The Times of Israel
Foto: Hillel Maeir (Flash90)

One thought on “Terrorismo palestino levanta sua cabeça de novo

  • 18 de dezembro de 2021 em 17:39
    Permalink

    Políticos hipócritas que cacherizaram o terrorismo dentro do Knesset, em especial o cínico ministro Bar Lev que desonra o próprio nome são os culpados por entupirem de dinheiro os fakestinos(aqueles que mudam de identidade de acordo com as conveniências).

Fechado para comentários.

%d blogueiros gostam disto: